O que é alta frequencia?

Na eletrotécnica somente as frequencias superiores a 10kHz se consideram alta frequencia. Porém, para as ferramentas elétricas este conceito foi introduzido para todas as frequencias que se estão acima da frequencia padrão da rede (50/60Hz). Hoje em dia, para as ferramentas elétricas de alta frequencia utiliza-se principalmente uma frequencia de 300Hz.
Então, por que se conduz a corrente da tomada para uma maior frequência? Um dos motivos é a busca de mais potencia. Com o aumento da frequência se alcança uma velocidade mais elevada. A proporção direta com o aumento da frequência aumenta a potência efetiva: com 300 Hz a potencia é multiplicada por seis, porque a freqüência é seis vezes maior do que 50 Hz. Os conversores de frequência necessários para elevar a corrente para esta frequencia muitas vezes se conectam à rede de iluminação pública ou rede trifásica.


Ao mesmo tempo, há muitas outras vantagens que justificam o uso de ferramentaselétricas de alta frequencia no ambiente industrial: graças a elevada potencia, as velocidades ideais, o comportamento de velocidade constante inclusive em carga reduzida e o enorme rendimento de desbaste que ele conserva, a produtividade aumenta de forma demonstrável.:

  • Graças a elevada potencia, as velocidades ideais, o comportamento de velocidade constante inclusive em carga reduzida e enorme rendimento de desbaste, implica em um aumento da produtividade de forma demonstrável.
  • O desgaste da ferramenta é minimizado.
  • Ao mesmo tempo, as ferramentas elétricas de alta frequencia FEIN foram desenvolvidaspara trabalhar em carga maxima e custos de manutenção mínimos. O resultado é uma duração elevada, tempos improdutivos mais baixos e a redução dos custos de manutenção e reparo.
  • No uso industrial contínuo, por exemplo no funcionamento em varios turnos, a decisão de utilizar a alta frequencia FEIN é muito importante para atingir maior rentabilidade.


Catálogo de alta frequencia

Instalação de alta frequencia fixa

Com um arranjo espacial pré-definida de vários locais de trabalho, recomenda-se a instalação fixa de um conversor de frequencia e seus cabos. Conversores FEIN KSR são conversores assíncronos - síncrono. A tensão de saída, mesmo quando carregado, apenas mostra uma variação de ± 1% da tensão de carga ajustada em vazio. Os conversores são à prova de curto-circuito. A ligação em paralelo de vários conversores da versão KSR aproximadamente do mesmo tamanho e tipo são comuns.
Os conversores de frequencia FEIN foram desenvolvidos com o grau de proteção IP 54. Praticamente não precisam de manutençao. O intervalo de manutenção dos rolamentos esféricos é orientado para 20000 horas de trabalho. Ao instalar o conversor de frequencia, deve-se procurar uma entrada e saída de ar sem obstáculos (máximo de +40°C). Para um trabalho com menor numero de vibrações possíveis, FEIN recomenda a montagem de amortecedores de borracha-metal.






Dados técnicos

Tensão do lado secundário
Potencia efetiva
Potencia do motor
Corrente do motor (400 V)
Consumo
Potencia em vazio
Fator de abrangencia
Peso
Comprimento X Largura X Altura
Número de pedido

MO 83 - 7,5 KSR

200 V
7,5 kVA
8 kVA
16 A
11,1 kVA
1,1 kVA
0,8 cos φ
75 kg
794 x 258 x 360 mm
9 28 19

MO 83 - 11 KSR

200 V
11 kVA
11,6 kVA
21,4 A
14,9 kVA
1,4 kVA
0,8 cos φ
110 kg
844 x 258 x 360 mm
9 28 21

MO 83 - 15 KSR

200 V
15 kVA
15 kVA
26,6 A
18,5 kVA
2,4 kVA
0,8 cos φ
164 kg
1058 x 310 x 416 mm
9 28 22

MO 83 - 20 KSR

200 V
20 kVA
20 kVA
34,2 A
23,8 kVA
2,8 kVA
0,8 cos φ
176 kg
1058 x 310 x 416 mm
9 28 28

MO 83 - 25 KSR

200 V
25 kVA
24 kVA
44,2 A
30,7 kVA
3,3 kVA
0,8 cos φ
200 kg
1058 x 310 x 416 mm
9 28 29

MO 83 - 30 KSR

200 V
30 kVA
28 kVA
49,4 A
34,4 kVA
3,7 kVA
0,8 cos φ
240 kg
1058 x 310 x 416 mm
9 28 24

MO 83 - 45 KSR

200 V
45 kVA
41 kVA
75,1 A
52,1 kVA
5,4 kVA
0,8 cos φ
360 kg
1252 x 348 x 463 mm
9 28 26

Vantagens FEIN
Instalações fixas:

  • Instalação praticamente sem nenhuma manutenção após a instalação e utilização em serviço.
  • A colocação do conversor de frequencia não requer características construtivas especiais.
  • Picos de baixa tensão, coeficiente de distorção não linear < 1%.
  • Todos os componentes foram desenhados para um resistencia máxima em aplicações industriais.
  • Potencia máxima da maquina em serviço mediante uma instalação fixa.
  • Impede sobrecarga termica das ferramentas elétricas utilizadas graças ao qual se alcança uma duração mais longa.